ESTREIA NETFLIX | "O Date Perfeito" não traz nenhuma novidade, mas é bom passatempo • MAZE // MTV Brasil
FilmesResenhas

ESTREIA NETFLIX | “O Date Perfeito” não traz nenhuma novidade, mas é bom passatempo

Luiz Henrique Oliveira1010 views
ESTREIA NETFLIX | "O Date Perfeito" não traz nenhuma novidade, mas é bom passatempo

“O Date Perfeito” é um filme feito de olho em um público-alvo específico. A ideia dos produtores é capitalizar a imagem de “crush do momento” formada por Noah Centíneo. Para quem não sabe, o ator esteve em “Para Todos os Garotos que Já Amei”, filme de sucesso da Netflix, e tornou-se o queridinho da hora. Dessa forma, era preciso criar um veículo para que ele pudesse mostrar mais do seu carisma. Além do mais, de tempos em tempos a produtora precisa fidelizar esse público adolescente com uma obra pensada para eles.

Nesse sentido, o filme dirigido por Chris Nelson atinge seus objetivos. É um grande passatempo, pois entretém sem deixar de lado o cuidado com a produção. Noah Centíneo mostra seu talento como ator (ele tem limitações, mas o carisma compensa) em uma trama bem, digamos, adolescente. Trata-se da história de um rapaz que, para juntar dinheiro para pagar os estudos, tem uma ideia interessante: cria um aplicativo para oferecer seus serviços de acompanhante. Ou seja: a cliente escolhe que tipo de personalidade deseja, e ele proporciona “o date perfeito”.

Evidentemente, o roteiro de Steve Bloom e Randall Green coloca alguns percalços para a trajetória de sucesso do rapaz. Apaixonar-se por duas das garotas que utilizam seus serviços é um tanto clichê, mas funcional. O filme se desenrola facilmente durante seus 89 minutos, sem se comprometer com algum arco narrativo mais ousado. No final, torna-se uma comédia romântica açucarada. No entanto, era essa a intenção desde o começo: nós é que não havíamos percebido logo de cara.

“O Date Perfeito”, portanto, é um bom filme para adolescentes, mas que também pode entreter os mais adultos em uma noite de tédio. Funciona como entretenimento e como cinema.

Veja a crítica completa no vídeo abaixo, do Canal Cinco Tons:

https://youtu.be/sUHMwrL6SEw

Luiz Henrique Oliveira
Nasceu no interior de São Paulo em 1986 e escreve sobre cinema em blogs desde 2004. Curte drama, comédia e ficção científica, mas ama mesmo O Poderoso Chefão. Tem interesse no mundo geek, em música brasileira e pode ser facilmente confundido com o Chico Bento pelas ruas da capital paulista.